O que está acontecendo?

Na falta de uma pia de louça para lavar...

Na falta de uma pia de louça para lavar...

Eu instalei o Linux Fedora 14 no meu note, manolo!

Não me incomodaria de ir lavando louça enquanto a instalação corria. De fato, lavar louça não é algo abominável para mim como é ter que fazer faxina ou lavar minhas cuecas fedorentas.

De qualquer forma, enquanto a instalação progredia, eu fazia coisa melhor que ensaboar copos:

Foto da mesa com notebook e copo de cerveja

Estou conseguindo executar as mesmas tarefas de antes, embora ainda enrosque de vez em quando porque sou um noob renitente. Ao contrário da última vez em que me aventurei no Linux, agora consegui fazer tudo funcionar a contento e sem dificuldade.

Optei pelo Fedora porque ele tem fama de ser bonito e avançado. É como se fosse o Windows 7 Ultimate das distribuições Linux. O Fedora é o lado free do Red Hat. Aliás, fedora é o nome daquele chapéu estilo Indiana Jones que está no logo da marca.

No melhor estilo "bom pra mim, bom pra você", eu recomendo veementemente e com entusiasmo que você também troque o seu Windows pirata por um Linux novinho em folha.

E como sou o seu amigo facilitador, aqui vai uma dica: se você não tem ideia de por onde começar, jogue esse quiz interativo e descubra qual a distribuição Linux que mais se encaixa no seu perfil.

E é isso. E olha aí quem é fã do chapéu vermelho (essa foto não é montagem).

Lula usando um fedora vermelho